Tempo - Tutiempo.net

Petrobras começa a sair do mercado de distribuição de combustível

A FRAGMENTAÇÃO DA PETROBRÁS

A Petrobras protocolou um pedido de oferta pública secundária (follow on) junto à Comissão de Valores Mobiliários (CVM) para vender sua participação de 37,5% na BR Distribuidora e, assim, sair por completo do setor de distribuição de combustíveis.

A estatal diz que poderá obter R$ 11,5 bilhões com a venda de 436,9 milhões de ações.

O valor foi projetado com base na cotação dos papéis da última quarta-feira (R$ 26,42), mas o preço só será fechado após a coleta de intenções de investimento junto a investidores institucionais, o que deve ocorrer em 30 de junho.

Apesar da venda, a bandeira BR Distribuidora continuará a ser usada nos postos de gasolina, já que o contrato de licenciamento é independente do negócio e a estatal seguirá produzindo combustível por meio das refinarias e vendendo para as distribuidoras, segundo o jornal O Globo.

O banco Morgan Stanley será o coordenador líder da oferta, que terá como demais coordenadores os bancos Bank of America Merrill Lynch, Citigroup, Goldman Sachs, Itaú BBA, J.P. Morgan e XP Investimentos.

A venda das ações da BR terá início em 2 de julho, e a expectativa é que o processo seja finalizado até o dia 05 de julho.

 GGN

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS