Tempo - Tutiempo.net

PIB per capita deve fechar o ano 7,5% abaixo do pico de 2013

DESCENDO A Ladeira

O Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getulio Vargas (Ibre/FGV) apontou, em levantamento, que o PIB caiu 4,1% em 2020.

E o PIB per capita registrou queda de 4,8% (35.172 por habitante), o maior declínio em 25 anos.

De acordo com as estimativas, o brasileiro deverá terminar 2021 0,9% mais pobre na comparação com 2019 e 7,5% abaixo da máxima histórica de 2013.

A economista Silvia Matos, coordenadora do Boletim Macro do Ibre/FGV e autora do levantamento, afirma que o “risco de um cenário pior para o ano que vem é mais provável do que de um aumento nas projeções para o PIB .

O que significará também uma taxa de crescimento muito baixa do PIB per capita”.

“Será abaixo de 1% com certeza. Ou seja, ainda não recupera o patamar de 2019”, diz.

cljornal com informações do Boletim Macro do Ibre/FGV.

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS