Atacante da seleção do Equador morre um dia após estreia no Qatar

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

Christian Benítez, atacante da seleção do Equador, morreu na manhã desta segunda-feira (29) em um hospital no Qatar. Antes de ser levado, “Chucho”, como era apelidado, se queixou de fortes dores abdominais. Já no hospital, sofreu uma parada cardíaca. No domingo, ele estreou pelo seu novo time, o Al Jaish, na vitória por 2 a 0 sobre o Qatar Sports Club.

 

“O clube gostaria de dar suas mais sinceras condolências à família do jogador. Benítez se integrou recentemente vindo do América por três temporadas. O jogador estreou no time na partida de ontem contra o Qatar Sports Club, na Sheikh Jassem Cup, sem reclamar de qualquer problema de saúde.

 

Sua partida repentina é um grande choque para cada membro da comissão técnica e administração do clube. Foi um jogador que, a despeito do breve período que aqui esteve, vai ser lembrado pelo grande caráter”, afirmou o Al Jaish em nota oficial, segundo o Globoesporte.com.

 

Benítez já defendeu o El Nacional, do Equador, Santos Laguna e América, ambos do México, Birmingham City, da Inglaterra, e há três semanas havia acertado sua ida para o Al Jaish. Na seleção equatoriana, ele disputou 58 partidas e fez 24 gols, tendo participado da Copa do Mundo em 2006, na Alemanha, aos 27 anos.

 

 

 

Fonte: Redação/ iBahia

OUTRAS NOTÍCIAS