Copa do Mundo 2014: gastos têm acréscimo de 10%

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

O governo federal confirmou que os gastos para a Copa do Mundo de 2014 vão sofrer um acréscimo de 10% no valor total. A previsão era que fossem gastos R$ 25, bilhões. O novo valor será de R$ 28,1 bilhões. Os principais responsáveis pelo aumento são os investimentos em aeroportos, estádios e mobilidade urbana.

O maior investimento foi previstos para obras nos aeroportos. Segundo o último dado divulgado, em abril, a previsão era de que seriam investidos R$ 6,8 bilhões no setor. Com o aumento, o investimento passa para R$ 8,4 bilhões, um aumento de 23,5%.

Também houve aumento nas obras dos estádios, que passaram de R$ 7,1 bilhões para 7,6 bilhões, um aumento de 7%. Já os investimentos de mobilidade urbana receberam um acréscimo de 4,7%, subindo de R$ 8,5 bilhões para R$ 8,9 bilhões. Setores como telecomunicações, segurança, portos e turismo mantiveram os mesmo números.

Fonte: Redação

OUTRAS NOTÍCIAS