São Paulo tem uma das piores campanhas em Libertadores

Com apenas quatro pontos em 15 disputados, o São Paulo precisa derrotar o Atlético-MG nesta quarta-feira, às 21h50, no Estádio do Morumbi, para ainda sonhar com a classificação. Que só vai vir com uma combinação de resultados com o jogo entre Arsenal e The Strongest, na Argentina – o triunfo do time local, desde que por menos de quatro gols, avança os brasileiros.

“O que mais pesa é não se classificar. Logicamente que vai entrar para a história como uma das piores campanhas, mas como eu disse anteriormente não perco tempo com esses pensamentos negativos. Quero entrar para história como campeão da Libertadores. Nem que seja classificação por moeda, o que pode acontecer, mas estou indo mais no enredo de classificar do que no negativo”, disse o técnico Ney Franco.

A “moeda” citada por Ney Franco diz referência a um possível empate geral entre São Paulo e The Strongest. Se o time paulista vencer o Atlético-MG por um gol de diferença e os bolivianos empatarem com o Arsenal, dependendo da combinação do número de gols, é possível que as duas equipes se igualem em todos os critérios de desempate. Assim, a agremiação classificada seria decidida por sorteio. Será o caso?

Fonte: Redação / Portal Terra

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS