Cerca de 500 mil pessoas percorrem 8 km na Lavagem do Senhor do Bonfim em Salvador

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

Marcado pelo sincretismo, cerca de 500 mil pessoas percorrem 8 km na Lavagem do Senhor do Bonfim, santo considerado padroeiro de coração dos baianos e que acontece em Salvador nesta quinta-feira (14). Antes do início da caminhada, representantes políticos e religiosos participaram de um ato ecumênico em frente a igreja de Nossa Senhora da Conceição da Praia.

Diversos religiosos participaram do ato ecumêninco que deu início à tradicional Lavagem do Bonfim, em Salvador.

O ato começou por volta das 8h, em frente à igreja de Nossa Senhora da Conceição da Praia, na Cidade Baixa e, às 8h50, os fiéis seguiram em caminhada para a Igreja do Senhor do Bonfim. Representantes das igrejas de matriz africana, católica, messiânica, espírita e hinduísmo falaram sobre tolerância religiosa e a importância de respeitar a diversidade.

“Que a gente saiba respeitar o diferente e saiba viver em uma sociedade plural. Que não só hoje, mas todos os dias a paz reine sobre todos. Que sejamos mais tolerantes”, disse Anselmo José Santos, representante do terreiro Mokambo, em Salvador.

O padre Irineu Jairo de Jesus Meneses disse que a tolerância é algo que devemos exercer diariamente. “A tolerância e a concórdia são algo possível que devem estar no nosso cotidiano. Somos todos irmãos filho de um mesmo Deus e essa festa traduz a diversidade de cultura”, falou.

“Esse é um dia em que todas as religiões celebram a paz. Vários fieis da igreja messiânica estão aqui hoje e participam da caminhada. Isso é importante principalmente em momento em que falamos muito de paz”, disse o ministro da igreja messiânica de Salvador e região metropolitana, Guilhermo de Souza Peixoto.

A programação em homenagem ao Senhor do Bonfim foi aberta no dia no dia 7 de janeiro, com o início do novenário (que é interrompido no dia a lavagem), e segue até domingo (17), quando se celebra o Senhor do Bonfim.

No domingo, a programação tem início às 4h30, com alvorada e repique dos sinos, seguido de missas às 5h, 6h e 7h30. A novidade durante a Lavagem é que os fiéis poderão passar pela “Porta da Misericórdia”, na Basílica Santuário Senhor do Bonfim, para pedir perdão pelos pecados. Às 12h acontece a acolhida às baianas pelos membros da Irmandade (Devoção do Senhor do Bonfim) e entrega das vassouras para a lavagem do adro da Basílica; após o ritual da lavagem do adro, a imagem Peregrina do Senhor do Bonfim ficará próxima à porta principal na Basílica Santuário para veneração pública até 18h; Já às 16h, Fiéis participam da Procissão dos Três Pedidos, com saída da Igreja dos Mares em direção à Colina Sagrada, onde dão três voltas em torno da Basílica, fazendo os três pedidos. A bênção do Santíssimo Sacramento e a queima de fogos de artifício finalizam as homenagens ao santo.

Cljornal com informações do G1 Bahia

OUTRAS NOTÍCIAS