Criadores do “Rodeio das Gordas” são condenados

O estudante envolvido na criação de uma página com o nome “Rodeio das Gordas” no Orkut, em 2010, foi condenado a pagar 30 salários mínimos, ou pouco mais de R$ 20.000, por danos morais. Já outros dois alunos que também ajudaram a criar a comunidade virtual ofensiva firmaram um Termo de Ajustamento de Conduta com o Ministério Público de São Paulo e vão pagar 20 salários mínimos, ou algo próximo de R$ 13.500.
Os alunos são do campus da Unesp (Universidade Estadual Paulista) de Araraquara, no interior de São Paulo. O “Rodeio das Gordas” ficou conhecido durante o Interunesp, evento universitário que reúne os estudantes da Unesp, realizado em Araraquara em 2010. A competição se dava entre rapazes agarrando colegas obesas pelo maior tempo possível durante os jogos universitários. Após o encerramento do evento, foi criada em Assis uma página na rede social intitulada “Rodeio das Gordas”, na qual eram estabelecidas regras para o “torneio”, bem como premiação para o que fosse considerado o melhor “montador de gordas”.
Em 2011, os três universitários já haviam sido condenados a doar, a título de indenização por dano moral coletivo, 20 salários mínimos cada um.

Fonte: Redação

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS