Eduardo Campos rasga elogios à Dilma em evento da Petrobras

 

Durante a inauguração da plataforma P-62, da Petrobras, em Ipojuca (PE), nesta terça-feira (17), a presidente Dilma Roussef e o governador de Pernambuco, Eduardo Campos, foram só elogios. Eduardo Campos, candidato à Presidência da República pelo PSB, iniciou afirmando que esta seria a última ocasião na qual receberia, como governador, a presidente em território pernambucano e queria trazer as palavras de boas-vindas. “Temos consciência de que para alguns este seria um momento diferente do que está sendo. Poderia ser entendido como um encontro entre quadros políticos que amanhã podem viver, poderão viver, legitimamente, uma disputa democrática”, afirmou.

Em seguida, disse que o contexto era outro. “Este é o encontro de uma presidenta eleita democraticamente pelo povo brasileiro e de um governador reeleito pelo seu povo que sabem o tamanho da institucionalidade, que sabem o dever que têm com o Brasil e que sabem separar o interesse público do interesse da disputa politica”, declarou. Ele disse também ter respeito pela presidente, e tê-la como “uma pessoa honrada” que ajudou a “construir o Brasil que temos hoje” e estendeu os cumprimentos ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

A fala da presidente Dilma Rousseff foi mais curta, mas também incluiu elogios ao governador pernambucano. “Queria cumprimentar o governador de Pernambuco Eduardo Campos, agradecer a recepção fraterna, o alto nível das relações que sempre pautaram a nossa convivência”, afirmou.

Dilma aproveitou a cerimônia para anunciar recursos de mobilidade urbana para o estado de Pernambuco. Ao lado de Eduardo Campos, a presidente anunciou R$ 2,9 bilhões de recursos do governo federal para obras no setor.

Fonte: Redação

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS