EPTRAN em Feira nunca saiu do papel

Em entrevista concedida ao Programa Jornal da Povo, o secretário de Transportes e Trânsito do Município, major Ebenezer Tuy explicou porque determinou o fechamento da EPTRAN (Escola Pública de Trânsito) no município. De acordo com ele, a coordenação do 3ª Ciretran ao ser procurada pela secretaria , informou que não havia nenhuma autorização para que funcionasse no prédio alugado pelo governo anterior, uma escola com a finalidade de oferecer aula teórico-prática para a comunidade de baixa renda que necessitasse tirar a primeira habilitação. A situação evidencia que a administração do ex-prefeito Tarcízio Pimenta, tentou implantar esse programa sem autorização do órgão competente, o que ficou apenas em promessas.

A prefeitura, então, rescindiu o contrato de aluguel do imóvel por causa da falta de operacionalidade da 3ª Ciretran juntamente com o Detran – BA.

Fonte: Por J. Bezerra e Lizangela Veiga

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS