Roseana Sarney acredita que causa de violência é porque Maranhão está mais rico

 

A governadora do Maranhão, Roseana Sarney (PMDB), justificou a violência no Estado com o aumento da riqueza entre os maranhenses. De acordo com ela, o Maranhão está mais rico e isso faz com que a segurança piore. “É um Estado que está se desenvolvendo, que está crescendo. E um dos problemas que está piorando a segurança do nosso Estado é que nosso Estado está mais rico, mais populoso também”, disse Roseana.

A governadora também disse não acreditar na intervenção federal no Estado. E justificou: “Não acredito que (o procurador-geral da República) vá pedir intervenção, porque estou cumprindo com o meu dever no Maranhão. O Estado está indo muito bem”, disse, citando a seguir o avanço do PIB, melhoria das estradas e dados da educação e indústria.
Em entrevista nessa quinta-feira (9) em São Luís, a governadora Roseana disse que a violência no complexo de Pedrinhas, com 62 mortos desde o ano passado, é “algo inexplicável”.

“O que aconteceu me chocou, e a todo o Maranhão, porque o povo do Maranhão não é violento. O que aconteceu lá é algo inexplicável. Estou até agora chocada com o que aconteceu lá, porque o que existe são brigas de facções. E elas são muito violentas. Acaba havendo problemas de morte no presídio.”

Roseana também relacionou a violência ao crack. “É uma disputa praticamente por causa do crack, que tem uma força muito grande, uma disputa de espaço. O que aconteceu em São Paulo, no Rio de Janeiro, no Rio Grande do Sul não é diferente do que está acontecendo aqui.”

Fonte: Redação / Folha

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS