Tempo - Tutiempo.net

Forças da Rússia eliminam mais de 500 militares ucranianos e depósitos de munições

Força militar russa elimina 500 militares ucranianos

A Força Aeroespacial da Rússia eliminou, com mísseis de alta precisão, até 130 nacionalistas ucranianos da 92ª Brigada Mecanizada na região de Carcóvia, bem como até 400 militares no local de posicionamento da 95ª Brigada de Assalto na República Popular de Donetsk (RPD), informou nesta quinta-feira (4) o Ministério da Defesa da Rússia.

As unidades da 54ª brigada de infantaria mecanizada, da 56ª e 58ª brigadas perderam sua capacidade de combate devido às grandes baixas e deixaram suas posições de combate na República de Donetsk, segundo a Defesa russa.

O representante oficial da Defesa russa, tenente-general Igor Konashenkov, declarou que no decorrer na operação militar especial russa na Ucrânia, a aviação, tropas de mísseis e a artilharia nas últimas 24 horas atingiram até 200 alvos do Exército ucraniano.

De acordo com a entidade da Defesa russa, nas últimas 24 horas, durante combates na RPD, o Exército da Rússia destruiu três pelotões ucranianos de sistemas de lançamento múltiplo de foguetes Grad, quatro pelotões de blindados de artilharia Gvozdika e três pelotões de obuseiros D-30.

A aviação russa atingiu dois postos de comando das unidades armadas ucranianas, bem como depósitos com munições de artilharia e mísseis e uma instalação de armazenamento de combustível, conclui o Ministério da Defesa da Rússia.

As Forças Armadas da Rússia eliminam instalações da infraestrutura militar ucraniana, sem realizar ataques contra alvos civis em cidades.

Os militares russos também organizam corredores humanitários para a população civil que foge da violência dos neonazistas e nacionalistas.

Sputnik

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS