Flávio Bolsonaro faz ataque a crianças e é processado

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email
Flávio Bolsonaro

Os pais de duas crianças entraram na Justiça para que o Facebook retire do ar um post de Flávio Bolsonaro.

Na publicação, o senador usou a foto de um casal de irmãos, de 11 e 10 anos, obviamente, sem a autorização dos responsáveis.

Na imagem, as crianças tinham a inscrição “ele não” em seus rostos. Na legenda da foto, Flávio escreveu:

No  dia que seu filho se tornar militante contra a fé, porque foi doutrinado da escola ou na universidade, tendo sua mente sequestrada pelo marxismo cultural, você entenderá que a luta não era por um presidente, mas por um Brasil livre.

Segundo o escritório, Nicodemos & Nedersting, que move a ação, as agressões verbais nas redes, motivadas pelo post de Flávio Bolsonaro, “viola a integridade psicológica, emocional e o moral das crianças”.

Os advogados se baseiam no Estatuto da Criança e do Adolescente — que a propósito completa 30 anos hoje — na Convenção dos Direitos da Criança da ONU e no marco civil da interne

Manuela Dorea

OUTRAS NOTÍCIAS