Tempo - Tutiempo.net

Prefeitura de Feira de Santana abre crédito extraordinário de mais de R$ 8 milhões, mas não revela gasto com Hospital Mater Day

HOSPITAL MATER DEY

A Prefeitura de Feira de Santana já iniciou as obras de reforma do Hospital Mater Day, apesar de não revelar o valor do contrato ou até mesmo a modalidade de utilização da estrutura da unidade de saúde. O Hospital Mater Day é particular e estava desativado há seis meses.

Até agora sabe-se apenas que a estrutura do Hospital Mater Day será utilizada em atendimento emergencial na rede pública, com foco em pacientes vítimas do coronavírus.

O site oficial da Prefeitura informa que serão adaptados 50 leitos, sendo uma parte destinada a UTI e outra parte para as crianças.

CRÉDITO EXTRA
Mesmo sem revelar o valor do contrato com o Hospital Mater Day, a Prefeitura de Feira de Santana abriu um crédito extraordinário no orçamento desse ano no valor de R$ 8.220.679,00.

O decreto nº 11.522/2020 foi republicado nesta terça-feira (14) por incorreção. Para este ano de 2020, já era previsto um gasto com a saúde municipal no valor de R$ 431.856.177.

O mesmo decreto descreve em seus dois anexos a utilização do recurso, mas sem muitos detalhes. Há previsão de despesas com serviços de terceiros (sem citar nomes) no valor de R$ 683.718,00.

O crédito extraordinário também prevê despesas com pessoa jurídica (nome também não revelado) no valor de R$ 988.450,50. O decreto aponta gastos com material permanente, material de consumo, equipamentos, obras e instalações, entre outras.

O site Olá Bahia foi informado por uma fonte ligada ao Governo Municipal que a Secretaria Municipal de Saúde deverá apresentar nos próximos dias o plano de utilização do Hospital Mater Day, assim como o formato de contrato com a unidade hospitalar da rede privada.

Daniele Amancio

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS