Um caso de polícia: Dos 417 municípios baianos apenas 103 possui rede de esgoto

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

Com informações do IBGE e do Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento informaram que um em cada quatro municípios baianos tem rede de esgoto instalada e que metade dos domicílios do estado descartam dejetos de forma inadequada.

Alguns descartam diretamente em fossas negras, valas ou até mesmo em rios, lagos ou mar.

Em Feira de Santana, o governo do estado afirma que instalou mais de 75% de rede de esgotamento sanitário, no entanto, falta as centrais de tratamento para que as residências sejam conectadas.

O município de Dom Basílio é recordista estadual em mau esgotamento, registra apenas 0,44% de residências ligadas a algum sistema adequado.

Em Pilão Arcado a situação é semelhante: metade das casas que abrigam a população de cerca de 40 mil pessoas tem problemas de saneamento.

Os números são alarmantes em algumas regiões, pergunta-se: Para onde tem ido os recursos destinados ao setor?    

Fonte: Redação cljornal

OUTRAS NOTÍCIAS