Dilma tem apoio de governador do PSB à reeleição

Sem definição se o PSB lançará candidatura própria à presidência em 2014, o nome do governador de Pernambuco, Eduardo Campos, ainda sofre resistência de integrantes do partido. Ele ainda é criticado por sua aproximação com líderes do DEM e do MD (fusão do PPS e PMN).
O governador do Amapá, Camilo Capiberibe, disse ao jornal “Folha de S. Paulo”, que o “melhor” para a sigla é apoiar a presidente Dilma Rousseff. Para ele, a candidatura própria do PSB deve ser pensada somente para a partir de 2018.
“Em 2018 esse ciclo que começou em 2010 vai estar concluído. E aí várias políticas nas quais acreditamos, que estão sendo implementadas pela presidente Dilma com nosso apoio, vão estar consolidadas. Então vai ser o momento de promover a alternância no âmbito federal”, afirmou.

Fonte: Redação

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS