Tempo - Tutiempo.net

Mulher de Cunha lavava dinheiro com empréstimo de Igreja Evangélica

Cunha não receberá visita da esposa

A Operação Lava Jato investiga empréstimo de R$ 250 mil da Igreja Evangélica Cristo para Cláudia Cruz, mulher do ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha (PMDB-RJ), que foi preso na última quarta-feira por envolvimento no esquema da corrupção da Petrobras.

Segundo a procuradoria, o empréstimo teria sido utilizado para lavagem de dinheiro.

A partir da DIRF (Declaração do Imposto de Renda Retido na Fonte) de Cláudia Cruz, identificou-se a declaração de um empréstimo supostamente contraído junto a Francisco Oliveira da Silva, presidente da Igreja Evangélica Cristo de R$ 250 mil no ano de 2008.

Contudo, realizada a quebra de sigilo bancário de Cláudia Cruz e de Francisco Oliveira da Silva, não foram identificados relacionamentos financeiros entre as partes.

“De acordo com o ZH Política, a Igreja Evangélica Cristo pertence ao radialista Oliveira Francisco da Silva, ex-deputado federal e aliado de Cunha.

Reutrs

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS