Vereador é condenado e tem direitos políticos cassados

O TER-BA (Tribunal Regional Eleitoral ) da Bahia cancelou o título eleitoral do vereador Álvaro Montenegro Cerqueira de Oliveira, conhecido com “Nem de Dácio”, por determinação da Justiça Federal que condenou o vereador a 2 anos e 4 meses de prisão em regime aberto, pela prática irregular de colocar no ar uma emissora de rádio pirata, STAR FM.

Ele é irmão da primeira dama do município, Cléia Montenegro Alencar. A pena poderá ser cumprida com a realização de serviços comunitários e pagamento de multa, contudo, tramita na justiça outro processo contra o vereador referente a furto de energia de imóvel da Prefeitura para alimentar a mesma emissora de rádio e seu nome também está envolvido nas denúncias de compra de votos no último pleito, fruto de processos ainda não julgados, emperrados na morosidade judicial, o que pode agravar ainda mais sua situação.

Nem de Dádio ainda perdeu os direitos políticos e não pode se candidatar a nenhum cargo político nos próximos 8 anos.

Fonte: Redação

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS