Mulher de presidiário é executada com dez tiros

Uma jovem identificada como Adriana Paula Ferreira foi assassinada no semáforo de uma das principais avenidas do bairro dos Bancários, em João Pessoa, no início da manhã desta terça-feira (7). Segundo a Polícia Militar, ela pode ter sido morta no lugar no marido Fabiano Silva que é presidiário do regime semiaberto da Penitenciária Média de Mangabeira. Policiais do 5º BPM informaram que a vítima estava grávida de 2 meses.

Ainda de acordo com a PM, a mulher, que residia no bairro de Mandacaru, diariamente esperava o marido na porta do presídio. Fabiano Silva cumpre pena por assalto, mas estava no semiberto por força de uma decisão da Justiça.

“Acreditamos que, como ela pegava ele todos os dias no presídio, os assassinos pensavam que o detento do semiaberto estaria dirigindo o carro. Ela pode ter sido morta no lugar do marido”, disse um policial, acrescentando que uma arma foi encontrada dentro do veículo.

Policiais informaram que a jovem estava retornando do presídio quando o carro dela, um prisma preto, foi interceptado no semáforo por uma motocicleta e os ocupantes efetuaram disparos contra ela. A vítima morreu na hora. O trânsito ficou lento.

 

O carro onde a vítima estava foi interceptado no semáforo por uma motocicleta e os ocupantes efetuaram  os disparos

Fonte: Redação

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS