Carlos Lima
Hoje dia 15/12/2017 às 15:53:58

Gastronomia
Carlos Lima | Publicado em 18/11/2017 às 13:04:38

Nhoque de mandioquinha com parmesão

Nhoque de mandioquinha com parmesão Nhoque de mandioquinha com parmesão
Receita de nhoque de mandioquinha

Rendimento: 4 porções como prato principal

Tempo de preparo: 1:30ha 2h
Tempo de espera (opcional): de 1h a 3h

Como fazer nhoque de mandioquinha:

1,2kg de mandioquinha ou batata baroa
de 120g a 160g de farinha de trigo (de quase 1 xícara até 1 xícara + 3 colheres de sopa)
50g de queijo parmesão ralado fino (quase 1/2 xícara)
1 ovo
2 colheres de café de sal
uma pitada de noz moscada ralada
um pouco de farinha de rosca (apenas para ajudar a enrolar)

Cozinhe a mandioquinha, inteira e com casca, em água fervente salgada por cerca de 30 minutos ou até que ela esteja super macia (teste com um garfo). Escorra bem e coloque-a sobre uma assadeira. Leve ao forno pré-aquecido a 180° por 10 minutos para que a raíz seque bem. Esse é um dos segredos para o nhoque dar certo: se a mandioquinha estiver úmida, a massa do nhoque também ficará e com isso, fica difícil enrolar o nhoque. Deixe a mandioquinha em um escorredor até esfriar o suficiente para que você consiga manuseá-la. Retira a casca com as mãos e descarte as pontas. Amasse bem com um garfo ou use o passador de purê. Cozinhando 1,2kg de mandioquinha, você deverá então ter cerca de 800g de purê. A receita foi calculada para essa quantidade, caso você tenha chegado em um peso muito diferente, calcule os outros ingredientes proporcionalmente (especialmente a farinha).

Adicione os outros ingredientes e misture com as mãos, sovando a massa. Quanto menos farinha, mais leve e molhadinho o nhoque ficará, por isso, acrescente a quantidade mínima e se preciso, vá aumentando aos pouquinhos.

Polvilhe farinha de rosca sobre uma superfície limpa. Faça um cilindro de massa com as mãos e leve-o à superfície para então cortar as fatias de nhoque (particularmente, acho mais fácil assim do que formar o cilindro já na mesa de trabalho). Se quiser, amasse os pedacinhos levemente com um garfo para deixar aquela marca tradicional italiana. Se você tiver muita dificuldade para moldar o nhoque, acrescente um pouco mais de farinha na massa e/ou deixe-a por alguns minutos na geladeira.

Deixe os pedacinhos cortados sobre uma assadeira preferencialmente coberta com papel manteiga. Dá para fazer pulando esta etapa, mas se puder, deixe o nhoque secando por 1h a 3h (na cozinha mesmo, não é na geladeira). Isso vai ajudá-lo a ficar mais firme. Se quiser, neste ponto você também pode congelar os pedaços para cozinhar outro dia.

Para cozinhá-lo, jogue os pedaços em uma panela grande com água fervente em fogo baixo-médio e assim que eles subirem, retire-os com uma escumadeira e coloque-os em um escorredor de massa. Não super lote a panela, faça em etapas.

Acompanhamento – champignon de Paris:

500g de champignon de Paris (cogumelo branco) fatiado ou cortado como sua preferência
1 a 2 colheres de sopa de manteiga ou substitua por azeite ou óleo vegetal
sal e pimenta do reino a gosto

Lave os cogumelos em água corrente. Seque-os bem, um a um, tirando os pontinhos bem pretos que ainda estiverem nos cogumelos. É importante secá-los logo em seguida para não deixá-los absorver água e escurecer. Fatie ou corte como quiser. Leia este post se quiser saber em detalhes como lavar e limpar champignon.

Cozinhe o cogumelo em uma panela média ou grande até ficar dourado-marrom, cerca de 20 minutos. Salgue e adicione pimenta do reino somente no final.

Abóbora assada (opcional):

1/4 de abóbora japonesa, em lascas e sem sementes (conserve a casca)
um fio de azeite ou óleo
sal e pimenta do reino a gosto

Coloque as tiras de abóbora em uma assadeira, regue com um fio de azeite, salgue e cubra com papel alumínio. Leve ao forno pré-aquecido a 220° por 40 minutos a 1h., retirando o papel alumínio nos últimos 20 minutos. Quando sair do forno, acrescente pimenta, caso queira.

Finalização do nhoque:

1 a 2 colheres de sopa de manteiga
um bom fio de azeite
nhoque e champignon cozido
1/2 maço de salsinha picadinha
sal e pimenta do reino a gosto
no prato: parmesão ralado a gosto

Para fazer aquela “finalização de chef”, derreta a manteiga e e o azeite em uma frigideira ou panela grande e refogue o nhoque e o champignon com os outros ingredientes somente o suficiente para reaquecê-los e selar o nhoque um pouquinho (criar uma leve casquinha crocante nele). Se você gostar, pode até acrescentar um pouquinho de creme de leite na panela para deixá-lo com um pouco de molho. Sem o creme de leite, como vocês podem ver nas fotos, ele fica molhadinho por causa da manteiga e do azeite, mas não tem molho.

Cozinha vibrante

Comentários

comentários

Veja também