Tempo - Tutiempo.net

Bolsonarista vivencia remake da surra da toalha molhada/ Por Sérgio Jones

Essa estrela brilha

A vida é como uma espécie de caixa de surpresa, nunca se sabe a peça que vai nos pregar ao dobrarmos a próxima esquina. Mas como, nem todos, mais apenas alguns poucos seres privilegiados conseguem ser reflexivos. O que lhes permite encarar as situações nada ou pouco convencionais, de forma mais tranquila.

Comportamento este, que não se aplica a massa disforme e acéfala dos  seguidores bovinos do presidente assassino Jair Bolsonaro.

Fiz um rápido preâmbulo apenas para dar visibilidade a um fato ocorrido, recentemente, que e que já viralizou nas redes. Trata-se de um caso que se tornou muito corriqueiro no atual desgoverno que com o seu modelo de política criminosa tem contribuído para o empobrecimento, de forma acelerada, do povo brasileiro.

Encontrava-se às margens de uma das inúmeras rodovias que corta o território brasileiro, um jovem vendedor de toalhas que continha a estampa do presidente Bolsonaro e do ex-presidente Lula.

De forma debochada o ser bovino que transitava no local, estacionou o carro dele às margens da pista e resolveu tirar um ‘sarro’ com o vendedor de toalhas.

De forma debochada questionou o porquê o vendedor não dispunha no estoque toalhas com a estampa “do ex-presidiário Lula”.

O que o vendedor Marcelo, prontamente retrucou explicando ao bolsonarista que todas as toalhas com a estampa de Lula já haviam sido vendidas, restando encalhada apenas as toalhas com as de Bolsonaro.

Diante das evidências expostas, constrangido com a resposta o que restou ao ser ruminante foi sair à francesa. Tal fato nos remete a lembranças da surra da toalha molhada que dona Denilma aplicou em seu marido Geraldo Bulhões, na época, governador de Alagoas.

No tocante ao caso ocorrido com o vendedor Marcelo pode ser considerado, nesse caso, como remake. Só que a surra foi aplicada no bolsominion com a toalha seca, e de lambuja, contendo a estampa com a carantonha do Bozo.

Sérgio Jones, jornalista (sergiojones@live.com)

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS