Tempo - Tutiempo.net

BANCO CENTRAL PODE ELEVAR TAXA DE JUROS EM PLENA PANDEMIA E CRISE ECONÔMICA

Membros da cupula do Banco Central

A cúpula do Banco Central cogita aumentar a taxa de juros.

As supostas motivações são: acelerado aumento dos preços (inflação) e o derretimento do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro, fenômeno conhecido como “boca de jacaré”.

Atualmente, a taxa Selic é de 2,5% e a expectativa do mercado é que na próxima reunião do Comitê de Política Monetária (Copom) que deve acontecer nos dias 16 e 17, a elevação seja de 0,5%.

O temor do tal mercado é a recessão técnica que será impulsionada pela piora da pandemia no Brasil e as medidas mais rígidas no combate a doença como lockdown que influenciam diretamente na economia.

A flexibilização do teto de gastos e a “intervenção” na Petrobras por parte de Bolsonaro também deixaram o mercado financeiro na ponta dos pés.

Com a alta taxa de desemprego e o PIB em queda livre o Brasil pode passar pela estagflação.

Esse é o drama para o BC.

E não sabemos quanto pior pode ficar a atividade econômica por causa da pandemia.

É uma das piores combinações”, disse no Estadão a pesquisadora do Instituto Brasileiro de Economia (Ibre) da Fundação Getúlio Vargas, Silvia Matos.

Redação o cafezinho.

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS