Tempo - Tutiempo.net

Diretório baiano do PPS acionará Justiça contra decisão da presidência nacional

FREIRE O PPS TRUCANO

O diretório do PPS na Bahia afirmou que entrará na Justiça para anular a intervenção da direção nacional da legenda.

Na última quarta-feira (21), o presidente do PPS, Roberto Freire, destituiu o diretório baiano após o deputado federal Arthur Maia se desfiliar do partido com objetivo de ingressar no DEM.

Em nota divulgada os dirigentes baianos disseram que receberam com “grande surpresa e indignação” o ato feito pelo comando nacional, o que criou “uma grave crise” na Bahia.

Segundo os baianos, a ação de Freire foi “descabida” e “autoritária”.

Além da ação judicial, o diretório baiano disse que recusa “qualquer solução para o impasse que seja resultante de conchavos que proponham a manutenção da intervenção, ainda que supostamente decorrente de “acordos satisfatórios””.

Os atingidos pelas cassações disseram ainda que a “manutenção deste atraso” fortalece “posturas autoritárias que ganham força na sociedade”.

Com informações do núcleo do PPS baiano.
|

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS