Tempo - Tutiempo.net

Imóvel do Estado da Bahia será leiloado em Piatã no dia 10 de julho

Estado da Bahia vai leiloar área em Piatã

O Governo do Estado vai leiloar um terreno de cinco mil metros quadrados, situado em Piatã, na capital, ideal para grandes empreendimentos imobiliários ou comerciais.

O leilão será realizado no dia 10 de julho, a partir das 10h, no auditório do Espaço Crescer, situado na 2ª Avenida, número 200, Centro Administrativo da Bahia (CAB).

O imóvel terá lance mínimo de R$ 6.740.000,00 e poderá ser pago em até dez parcelas, com uma entrada de apenas 5% sobre o valor total. O leiloeiro oficial, Péricles Luciano Santos de Jesus, foi escolhido por sorteio eletrônico para comandar o leilão.

Os interessados podem visitar o imóvel até o dia 9 de julho, entre 9h e 18h. Para agendar uma visita ou obter mais informações sobre o Leilão 003/2017, estão disponíveis os telefones (71) 3115-3360, (71) 98611-8741; (71) 99113-1433; (75) 98156-9257, e também os e-mails plsj10@hotmail.com , dbi.supat@saeb.ba.gov.br.

O Edital 003/2018, contendo todas as regras para o Leilão do imóvel foi publicado no dia 8 de junho, no Diário Oficial do Estado (DOE), além de estar disponível no site www.comprasnet.ba.gov.br.

O imóvel possui 5,5 mil metros quadrados, totalmente plano, localizado em uma das áreas mais nobres da orla de Salvador, em uma zona liberada para a construção de shopping center, hipermercado, loja, agência bancária, escola, clínica ou hospital, hotel, posto de gasolina, ou mesmo um edifício de até 75 metros de altura.

A propriedade, que possui uma localização privilegiada, em frente ao mar, ao lado da Avenida Octávio Mangabeira, próximo a um grande supermercado, já foi utilizado para várias finalidades, inclusive um clube social. A estrutura já conta com as seguintes instalações: uma casa, piscina, quadra e campo de futebol.

As informações sobre o imóvel público estão em um Estudo de Viabilidade da área, providenciado pela Superintendência de Patrimônio (Supat), unidade vinculada à Secretaria da Administração (Saeb). Para identificar as possibilidades de utilização do terreno, a Supat analisou a Lei de Ordenamento do Uso e da Ocupação do Solo de Salvador (Louos).

Ascom/Secretaria da Administração do Estado (Saeb)

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS