Tempo - Tutiempo.net

Covid-19: as catilinárias de Colbert contra a flexibilização do comércio faz o feirense sofrer/por Carlos Lima

Enganador

Mesmo com a afirmação de que não existe melhora no quadro de transmissão e morte por Covid-19 em Feira de Santana, o prefeito continua menosprezado a flexibilização do coméercio sob o argumento de que com índices de 1,8% – se comparado a capital (2,95%), estado (2,20%) e país (2,76%), mesmo reconhecendo o índice de mortes ainda alarmante. Só no mês de junho registrou, até o momento, o recorde  de 91 mortes. A diatribe do gestor atinge patamares insustentáveis.

Recentemente a infectologista Melissa Falcão ao se pronunciar sobre os casos da Covid-19 em Feira de Santana fez alerta que não há previsão de melhora sobre redução dos casos de covid-19, no município.

O alerta veio durante coletiva de imprensa, segundo ela, novos casos estão sendo identificados em ambiente de trabalho, com possibilidades de surtos.

Mesmo com esse diagnóstico o prefeito não faz questão de disciplinar a abertura do comércio, até o feriado de São João quando deveria determinar um rápido lockdown, permitiu o seu funcionamento.

Com a intenção de manter acessa sua campanha negacionista em relação as ações do governo da Bahia. no tocante ao combate ao Covid-19, um ano depois do primeiro caso registrado em Feira de Santana, propõe à Secretaria de Saúde do Estado, (Sesab), instalação de uma unidade do Laboratório Central de Saúde Pública, (Lacen) no município.

Segundo o gestor o laboratório provocaria um diagnóstico da presença do  vírus com maior rapidez. Esquece ele que os exames realizados durante todo o período foram dificultados e insuficientes, levando-se em conta o quadro populacional do município.

A gravidade pandêmica conforme explicitada pela infectologista Melissa, torna de vital importância a ampliação dos exames que detectam a presença do vírus. O que infelizmente não acontece com a devida proporcionalidade.

Prefeito Colbert, acredito que o comportamento mais responsável de sua parte, é  informar a aplicação dos R$ 2.014.363,00, recebido no dia 14.06.2021, de emenda orçamentaria apresentada pelo deputado federal Zé Neto, destinado à construção de “Covidários”, ou seja, Pontos Socorros específicos para pessoas com Covid-19, com centro de testagem e acolhimento especial.

O deputado afirmou esperar “que o município de Feira de Santana assuma o compromisso de construir os prontos socorros especializados (covidários) para o tratamento da Covid-19, com testagem, utilizando adequadamente esses recursos destinados exclusivamente para o enfrentamento do vírus, diante da urgência com o crescimento do número de casos e mortes na cidade, deixando de lado qualquer desavença política para que possamos dar as respostas que a população merece nesse momento de tragédia e dor que já vitimou mais de 800 feirenses, segundo dados da SESAB, sendo somente no mês de maio 100 mortes, e nas primeiras semanas de junho 61 mortes”.

O que o prefeito tem a dizer?

Carlos Lima.

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS