Tempo - Tutiempo.net

Após ameaças de estupro e morte, família de deputada sofre ataque

Deputada Isa Penna (PSOL)

A  deputada estadual Isa Penna (PSOL-SP) afirmou que um novo ataque direcionado a ela na última terça-feira (01) também resvalou em seus familiares, que tiveram o endereço divulgado, segundo a Folha de S. Paulo.

A parlamentar atualizou um boletim de ocorrência registrado na semana passada após receber ameaças de estupro e de morte por e-mail.

De acordo com o jornal, o gabinete de Penna ingressou com um pedido de proteção parlamentar na Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp) e vem adotando medidas de segurança preconizadas pela ONG Terra de Direitos, especializada em assistência em questões ligadas a direitos humanos. A deputada também suspendeu agendas públicas no momento.

Penna registrou ocorrência no último dia 27 após receber um e-mail em que o criminoso ameaça “golpear o crânio” da parlamentar com um “martelo ordinário” e estuprá-la em seguida.

O caso foi encaminhado da Alesp para a Divisão de Crimes Cibernéticos, onde serão apurados os crimes de ameaça e injúria.

Após a divulgação do ocorrido, políticos e personalidades se solidarizaram com a parlamentar.

O presidente da Comissão de Direitos Humanos da Alesp, deputado Emídio de Souza, informou na ocasião que solicitaria que as forças de segurança tomassem medidas de proteção à integridade da colega.

Em dezembro de 2020, Penna foi vítima de assédio durante uma sessão na Alesp.

Na época, o deputado Fernando Cury se aproximou por trás da parlamentar e apalpou seu seio.

A cena foi gravada em vídeo e motivou uma denúncia por importunação sexual.

No ano passado, o Cidadania decidiu expulsar Cury do partido.

O parlamentar também virou réu após denúncia do Ministério Público de São Paulo ser aceita por unanimidade pelos desembargadores do Órgão Especial do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP).

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS