Tempo - Tutiempo.net

Brasileiros humilhados pelos EUA são abandonados pelo governo Bolsonaro, diz líder do PT

Líder do PT, Reginaldo Lopes cobra Itamaraty.

O líder do PT na Câmara dos Deputados, Reginaldo Lopes (MG), criticou, nesta sexta-feira (18), a postura do governo de Jair Bolsonaro (PL) em relação ao que vem ocorrendo com inúmeros cidadãos brasileiros.

Eles vêm sofrendo violações e humilhações, ao serem deportados dos Estados Unidos, por parte de autoridades daquele país.

Com isso, o PT encaminhou ofício ao Ministério das Relações Exteriores para exigir explicações.

“O desespero leva essas pessoas a imigrarem, expondo-se à exploração de coiotes nas fronteiras e ao risco de se tornarem vítimas das redes de tráfico humano.

Os Estados Unidos têm que respeitar a dignidade da pessoa humana como princípio fundamental do Direito Internacional, inscrito na Declaração Universal dos Direitos Humanos”, afirmou Lopes.

“Esses brasileiros estão sendo atacados e humilhadas pelo governo americano, e foram abandonados pelo governo brasileiro, que nada faz para defender a integridade e ajudar na dificuldade deles”, acrescentou o líder do PT na Câmara.

O documento, assinado por Lopes e pelo deputado federal Leonardo Monteiro (PT-MG), cobra o Itamaraty para que ele exerça sua função institucional, que é mediar conflitos e resguardar os interesses do Brasil e de seus cidadãos em nações estrangeiras.

Monteiro e Lopes querem saber o que o corpo diplomático que integra o governo Bolsonaro já fez para que os lamentáveis episódios não voltem a acontecer.

Denúncias apontam que brasileiros não podiam sequer tomar banho durante a detenção.

Segundo um cidadão, mineiro de Lagoa Santa (MG), que desembarcou com a esposa e os dois filhos, de 2 e 6 anos, no período de detenção não era permitido nem tomar banho.

Esse foi o 51º voo – em avião fretado pelo governo norte-americano – com brasileiros deportados enviados pelos Estados Unidos desde outubro de 2019”, revelam os autores do ofício.

Há, ainda, relatos de um voo que trouxe centenas de brasileiros, incluindo mais de 90 menores, que foram desembarcados no Brasil apenas com a roupa do corpo, sem qualquer quantia em dinheiro ou documentos nacionais, que ficaram no aeroporto sem sequer saber como voltariam para casa.

Lucas Vasques

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS