Vias paralelas às trincheiras nos preparativos finais na Avenida Maria Quitéria

Trincheira serão abertas ao tráfego final de agosto

Falta pouco para que as vias laterais da trincheira, tecnicamente chamadas de alças, sejam liberadas ao trânsito na avenida Maria Quitéria.

O equipamento está sendo construído entre as avenidas Maria Quitéria e Getúlio Vargas e a meta é de que até o final deste mês seja totalmente aberto ao trânsito.

As vias estão sendo pavimentadas com asfalto a quente, nome popular para CBUQ (Concreto Betuminoso Usinado a Quente), material de alta durabilidade usado nas grandes cidades.

O lado direito, entre a avenida Maria Quitéria e a rua Visconde Cairu, já recebeu a espessa camada de asfalto e já está parcialmente aberta ao tráfego.

O outro lado da pista, por onde passarão os veículos que a partir da Getúlio Vargas seguem à zona norte, está em fase final de conclusão e, obviamente, fechado aos veículos.

O trecho entre a Maria Quitéria e a rua Brigadeiro Eduardo Gomes, que estava aberto ao tráfego em ambos os sentidos, foi fechado até que o local receba a camada asfáltica.

Os operários estão concentrados na construção da barreira de concreto que vai dividir as pistas da trincheira e colocando as placas nas paredes do equipamento.

Secom

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS