Tempo - Tutiempo.net

Travesti assalta mas se recusa a levar celular da vítima por não “ser da moda”

Em Salvador, um travesti identificado pela polícia como Joseildo Silva de Oliveira, 24 anos, se aproximou de uma mulher que andava pela avenida Dorival Caymmi e a abordou para praticar um assalto.

 

Na ação, Josenildo que é usuário de drogas roubou R$ 22. A vítima entregou o dinheiro e um celular, que foi rejeitado “por não ser da moda”. Após o roubo, a mulher pediu ajuda a um homem que passava, que é capitão da polícia, e chamou uma viatura. A vítima informou na delegacia que durante a ação, o acusado ameaçou puxar os seus cabelos.

 

Segundo o delegado ACM Santos, ele está há um ano em Itapuã e é a primeira vez que um travesti cometeu um crime.

– Isso me deixou, de certa forma, perplexo e, inclusive, atento. afirmou o delegado.

 

Fonte: Com informações do R7/ Foto: Record

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS